Ir para Conteúdo

picture of our leaders in Brazil -  Suelma Rosa - Corporate affairs and João Francisco Ribeiro - Supply Chain Vice president

Como estamos tornando a vida sustentável algo comum?

Por Suelma Rosa, líder de Assuntos Corporativos, Governamentais e Sustentabilidade, e João Francisco Ribeiro, vice-presidente de Supply Chain e presidente da Unilever Brasil Industrial.

Celebrar o Dia Mundial do Meio Ambiente é motivo de alegria e orgulho para uma empresa que tem a sustentabilidade enraizada em sua estratégia de negócios. Esta é uma das datas mais simbólicas para comemorarmos importantes resultados já alcançados e reafirmarmos as nossas metas globais na agenda de sustentabilidade.

Nos unimos em um artigo único porque a meta de cuidar do nosso planeta não é apenas das nossas fábricas, nem está somente atrelada às atividades de Assuntos Corporativos. Tão pouco é um tema apenas para o Brasil se preocupar. Globalmente e nos mais de 190 países em que operamos, todas as nossas pessoas colaboradoras miram para a sustentabilidade em suas entregas diárias.

Não existem negócios separados da sustentabilidade. Isto porque acreditamos que ESG – sigla, em inglês, para “Environmental, Social and Governance”, que representa às práticas ambientais, sociais e de governança de uma organização – não é uma disciplina apartada. Na Unilever, acreditamos que negócios sustentáveis se constroem conjuntamente, na atuação diária e com alicerces fortes, sustentados por três pilares:

  1. Melhorar a saúde do planeta.
  2. Melhorar a saúde, confiança e bem-estar das pessoas.
  3. Contribuir para um mundo mais justo e inclusivo.

Estes princípios refletem a nossa crença de que as empresas de sucesso do futuro são diferentes. Elas se posicionam e agem sobre as grandes questões sociais e ambientais que o mundo enfrenta, buscando de forma ativa um bem maior para o nosso planeta em vez de apenas causar menos danos.

É bastante claro que queremos ser uma companhia cada vez melhor e seguiremos por esse caminho. Em todo o mundo, as pessoas estão optando por marcas éticas e sustentáveis. Os cidadãos estão indo às ruas e às redes sociais para cobrar o comprometimento das organizações. Os investidores também não querem uma lucratividade insustentável, mas sim querem apostar em empresas responsáveis, reconhecendo que um negócio saudável exige um mundo saudável.

Como uma de nossas 34 metas registradas no Unilever Compass – plano estratégico de negócios da companhia –, com previsão para a atingirmos entre 2023 e 2039, estamos revisitando todo o nosso portfólio para oferecer as nossas pessoas consumidoras produtos de limpeza e lavanderia sustentáveis e, ao mesmo tempo, mais acessíveis. Atualmente, por meio de nossas marcas, já trabalhamos com diversas inovações que representam entregas mais sustentáveis para a pessoa consumidora.

Em uma de nossas fábricas do interior de São Paulo, a caldeira – que é o sistema responsável pelo aquecimento de água para o processo produtivo – é movida a biomassa desde 2018. Mais eficiência energética, com a redução de 90% de emissões em toneladas de CO2, além de zero emissão de CO2 em duas das três fábricas que compõem o site. Em Minas Gerais, os resíduos orgânicos vão para compostagem e viram adubo para horta comunitária, a Ilha Ecológica.

Hoje, marcas conhecidas como Dove, Seda, Tresemmè, Comfort, Fofo, Sétima Geração e Love, Beauty & Planet, já superaram – e bem - a nossa meta global de ter, minimamente, 25% de plástico reciclado em suas embalagens. É com a força delas que queremos levar a sustentabilidade a mais e mais gente mundo afora.

A data é um marco importante para comemorar e reforçar o que acreditamos, para o que trabalhamos e o horizonte para onde miramos. Em todo o mundo, independentemente do fuso horário, do idioma ou de características sociopolíticas, o nosso compromisso é com o meio ambiente, com as nossas pessoas colaboradoras, consumidores e parceiros. Junte-se a nós na celebração e no compromisso para a construção de um mundo mais sustentável.