1. Home
  2. ...
  3. Press releases
  4. Nova sede da Unilever Brasil

Nova sede da Unilever Brasil

Escritório privilegia conceitos de agile, flexibilidade e coworking, integrando os funcionários e estimulando criatividade e inovação

Brazil coworking Brazil recepcao Brazil creativity space home care Brazil cafeteria espaco de alimentacao Brazil playground externo

Agosto de 2018 - A Unilever Brasil apresenta a sua nova sede localizada no bairro Brooklin Paulista, zona sul de São Paulo. Com nove andares - distribuídos em 13 mil m² - e capacidade para acomodar até 1.500 pessoas, o projeto reforça o compromisso da companhia em atender às necessidades dos consumidores brasileiros, além de atender aos três pilares que norteiam a empresa - sustentabilidade, inovação e diversidade.

Para materializar e potencializar as práticas de Recursos Humanos da Unilever - como a autonomia profissional, atitude empreendedora, inclusão de diferentes perfis, flexibilidade (conceito agile) e bem-estar dos funcionários - o projeto privilegia o layout aberto, a mobilidade e espaços que se transformam.

“A decisão de mudar para um novo prédio tem como objetivo promover um ambiente agile, sustentável, inovador, tecnológico, plural e acolhedor, que atendesse às demandas de nossos funcionários tanto do ponto de vista da produtividade quanto de qualidade de vida. Não à toa, o projeto foi desenvolvido com a participação dos funcionários. Desta forma, conseguimos atender às necessidades específicas de cada área e maximizar o sentimento de pertencimento”, afirma Luciana Paganato, vice-presidente de Recursos Humanos da Unilever Brasil.

Sustentabilidade: um pilar obrigatório em cada m² da nova sede 

Dentro do compromisso permanente da Unilever com o meio ambiente, a questão da sustentabilidade foi ponto primordial para a escolha da nova sede: o edifício WTorre Morumbi tem certificação LEED Silver. Para obtê-la, são levados em conta quesitos como localização próxima a serviços básicos e transporte público, utilização de vidros de alto desempenho nas fachadas, sistema de iluminação de baixo consumo, entre outros.

Neste contexto, o projeto da nova sede da Unilever Brasil já foi desenvolvido considerando os critérios da certificação LEED Gold. Dentre as iniciativas implementadas estão a gestão responsável da água por meio de dispositivos reguladores nas válvulas e torneiras - gerando redução de 35% no consumo. Para otimizar a eficiência energética na nova sede, há diversas iniciativas como sistema de desligamento automático de ar-condicionado; instalação de equipamentos de alto rendimento que consomem menos energia; redução de até 30% no consumo em função da iluminação de tecnologia LED, controlada por sensores de presença e de luminosidade, que reduzem a potência, aproveitando a iluminação natural; instalação de sensores de CO2 com objetivo de proporcionar melhor qualidade do ar nas áreas com grande volume de pessoas.

Em relação à gestão de resíduos, as lixeiras individuais foram eliminadas e foi implementado um sistema de coleta seletiva, com lixeiras para recicláveis em todos os andares, garantindo que o descarte está sendo feito de maneira correta de acordo com a política de Aterro Zero. Além disso, todos os funcionários ganharam um squeeze para o consumo de água, uma maneira de evitar o uso de copos descartáveis.

O mobiliário também seguiu critérios sustentáveis. A Unilever priorizou o uso de materiais oriundos de madeira de reflorestamento, com selo FSC de procedência. Eles estão presentes em bancos e mesas, armários das áreas de café, nas áreas de pérgola, estantes de produtos, balcão e recepção, por exemplo. Também houve o reaproveitamento de parte do mobiliário existente na sede antiga, tais como poltronas, cadeiras e sofás.

“O projeto de arquitetura considerou estratégias de flexibilidade na composição dos layouts e na seleção de materiais como forros modulares, piso elevado, carpetes em placas. Esta estratégia reduz a utilização de materiais novos em situações de futuras modificações nos espaços da nova sede”, afirma Antonio Calcagnotto, head de Assuntos Corporativos e Sustentabilidade da Unilever Brasil. “Todas essas medidas mostram o compromisso da Unilever com a sustentabilidade. E uma dessas recompensas é a conquista do nível Gold da certificação LEED, já em fase de análise”, complementa o executivo.

Um escritório em constante movimento: agilidade, integração, flexibilidade e criatividade

Os espaços para trabalho colaborativo podem ser estruturados de diferentes formas: ora com mesas, ora com sofás ou mesas de diversas composições. Com paredes retráteis, alguns ambientes podem ser divididos em duas salas de reunião, em uma área multiuso ou em uma única sala ampla. Esta mesma característica se estende ao mobiliário dando mais flexibilidade ao ambiente, permitindo adaptar espaços para diferentes objetivos e necessidades, além de promover a maior integração entre os times e fomentar o pensamento criativo e inovador.

Estas áreas contam com lousas brancas e telas interativas para dar mais agilidade; já para pequenas comunicações, o funcionário pode fazer uso do espaço de arquibancadas. A área de coworking tem como principal função ser um espaço de squads: desenhados para receber equipes multidisciplinares provenientes não apenas da unidade São Paulo, mas de qualquer outra região do País ou do mundo. Ao mesmo tempo, o projeto oferece salas mais reservadas, como cabines telefônicas para ligações e tarefas mais focadas, que requerem privacidade.

Os andares são divididos por segmentos de negócio (Alimentos, Cuidados Domésticos, Cuidados Pessoais e Sorvetes), porém, os funcionários podem ocupar qualquer estação de trabalho. Para viabilizar essa logística, todos os andares contam com armários para que os pertences pessoais possam ser alocados, deixando as mesas livres.

Cuidado com os funcionários: bem-estar e acolhimento em cada detalhe

A Unilever é pioneira em políticas de gestão de saúde de seus funcionários por meio de iniciativas que proporcionam bem-estar e qualidade de vida. Não à toa este pilar mereceu atenção especial na nova sede, que conta com espaço mindfulness, local onde as pessoas podem ter um momento de introspecção e descompressão.

Completam o projeto amplo espaço para alimentação - com café da manhã e frutas toda tarde para os funcionários, ambulatório e berçário com playground a céu aberto e espaço para amamentação. A capacidade de atendimento do espaço, administrado pela Toddler, é de 40 crianças de até dois anos.

Inovação: o conceito está presente em todo o espaço

A nova sede da Unilever também traz o conceito de inovação em toda a sua estrutura. Isso se traduz na forma de um ambiente 100% cable free e com espaços pensados para promover novas formas de trabalho e o pensamento criativo, estimulando o mindset de experimentação. Um exemplo disso está na Garagem de Inovação, feita para acelerar a agenda de transformação e que disponibilizará tecnologias como impressoras 3D, óculos virtuais para que todos os funcionários possam utilizar.

Além disso, todos poderão usufruir de outros hardwares que auxiliam na produtividade, como telas interativas, plataforma de agendamento de salas de reunião por meio de uma mini tela instalada na entrada de cada ambiente, entre outros.

Raio x nova sede unilever Brasil

Edifício: WTorre Morumbi

Endereço: Av. das Nações Unidas, 14.261 – Brooklin Paulista, São Paulo, SP. CEP 04533-085

Metragem: 13.246 m²

Capacidade: 1500 pessoas | 1.115 postos de trabalhos individuais

Andares: 9 andares

Salas de reunião: 120 total já preparadas para video conference

Mobiliário ajustável: 20% do mobiliário ajustável na altura para melhorar a ergonomia e permitir inclusão

Funcionários da Unilever Brasil que se envolveram no projeto: 50

Desenvolvimento do projeto e implementação: 10 meses desde a escolha do prédio; 8 meses entre o projeto arquitetônico e a execução da obra

Escritório de arquitetura: Athié Wohnrath (assina projeto e implementação)

Escritório de construção: Cushman & Wakefield

Explorar mais esses tópicos
Voltar ao topo